Você sabia que pode doar seu cabelo a quem tem câncer?

A Sociedade Brasileira de Dermatologia, a Exímia e Fundação Laço Rosa lançaram a campanha #fortalizese. O objetivo da ação é arrecadar cabelos e, com a ajuda de profissionais, confeccionar perucas que são doadas a mulheres que lutam contra o câncer. A Campanha conta ainda com o apóio da FQM Farmoquímica e salões de beleza parceiros. […]

Publicado dia 19/03/2017 às 17:06

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

A Sociedade Brasileira de Dermatologia, a Exímia e Fundação Laço Rosa lançaram a campanha #fortalizese. O objetivo da ação é arrecadar cabelos e, com a ajuda de profissionais, confeccionar perucas que são doadas a mulheres que lutam contra o câncer. A Campanha conta ainda com o apóio da FQM Farmoquímica e salões de beleza parceiros.

De acordo o dermatologista Bruno de Souza Machado, membro titularda Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e da Sociedade Internacional de Dermatologia (ISD), a campanha, além de auxialiar as pacientes, reforça a condição social desses profissionais para levarem à população informações qualificadas, diagnósticos e tratamentos de doenças de cabelo, pele e unhas. No Brasil, a SBD está presente em 23 estados, reunindo mais de 7800 associados, o que a torna como uma das maiores sociedades médico-dermatológicas do mundo.

Para se ter ideia da importância da participação da SBD em campanhas como a #fortalizese, o médico conta que, seja na prevenção ou no diagnóstico, o câncer faz parte da rotina diária do dermatologista. Segundo dados colhidos pelo Instituto Nacional do Câncer (INCA), a cada ano 135 mil novos casos de câncer são diagnosticados em todo o Brasil, sendo que o de pele corresponde a 25% desse total. Nos Estados Unidos, a Academia Americana de Dermatologia estima que haja 2 milhões de novos casos da neoplasia anualmente.

Graças a solidariedade e o esforço dos envolvidos na causa, em dois meses de Campanha foram recolhidas mais de 2.100 doações em todo o Brasil. Qualquer pessoa pode fazer a doação de cabelo para a confecção das perucas, mas alguns critérios devem ser obedecidos. O tamanho mínimo é de 20 centímetros, sendo eles lisos, anelados ou crespos. Fios tingidos ou que passaram por algum processo químico também são bem vindos.

Em Goiânia, a rede de salões de beleza Su Beauty e as lojas SB Maison Noivas recolhem as doações e enviam para a Fundação Laço Rosa. De acordo com Bruno, qualquer paciente que atenda aos critérios da campanha pode se beneficiar com uma prótese capilar. A solicitação é feita gratuitamente, por qualquer paciente com câncer, de todos os lugares do país. Para o pedido, um e-mail deve ser enviado para bancodeperucasonline@fundacaolacorosa.com com nome, número do telefone fixo e celular, endereço completo com CEP, bairro, Estado, tipo de câncer, como conheceu a Fundação Laço Rosa, e anexar ao e-mail o lado médico (pode ser um exame, atestado ou documento com o nome do paciente e a indicação da neoplasia), uma foto atual e uma antes da quimioterapia).